EDIFÍCIO BLOOM

 


revista Anteprojectos

O edifício Bloom foi colocado em especial destaque pela revista Anteprojectos graças à arquitectura e design inovador com acabamentos de elevado padrão de qualidade desenvolvido pela Fsimões arquitetos em parceria com a GJP arquitetos. A existência de palas de sombreamento, a ondulação da fachada, enfatiza um movimento orgânico, que confere uma expressão volumétrica marcante às fachadas, ao mesmo tempo que se resolve a questão de iluminação solar dada a sua orientação Sul – Nascente.

A zona de entrada principal do edifício insere-se um espaço exterior de acesso generoso, qualificado em termos de arranjos exteriores, de onde se acede as circulações verticais e o hall de distribuição e os principais ductos técnicos. Nos pisos superiores organizam-se escritórios em open space e no piso térreo localizam-se as zonas comerciais independentes, com saída directa para o exterior. Quanto à materialidade do edifício predomina a cor cinza, quanto a caixilharia e betão aparente, pretende enfatizar a sobriedade e importância do volume, em detrimento de uma integração cromática nas tonalidades do quarteirão em que se insere. O outro aspecto relevante do projecto reside numa concepção sóbria, embora com um complexo detalhado design, assente no “soltar” do edifício ao nível dos pisos 1 a 5, sendo o embasamento resolvido em “galeria”, com os pilares delimitando/desenhando o percurso e sustentando o volume dos pisos superiores.